Juan Pedro Franco, de 33 anos, natural do estado de Aguascalientes, no norte do México, pesava 595 quilos em outubro de 2016. Essa condição, resultado de uma dieta inadequada e de um problema da tiróide, fez com que o Guinness World Records lhe desse o título de homem vivo com mais peso do mundo.
Com hipotireoidismo, hipertensão arterial, diabetes e uma obstrução pulmonar grave, Franco decidiu recuperar a sua vida e aceitar a intervenção do cirurgião José Antonio Castañeda, especialista em tratamentos de obesidade. Em novembro de 2016, mudou-se mesmo de Aguascalientes para Guadalajara, onde está a Gastric Bypass México, a clínica de Castañeda. O primeiro passo foi submeter-se a uma dieta mediterrânea "muito rigorosa".
Em maio de 2017, entrou pela primeira vez no centro cirúrgico para realizar uma gastrectomia vertical e seis meses depois colocou um bypass gástrico. O objetivo de ambas as cirurgias é reduzir o tamanho do estômago. Reduzir a sua vontade de comer era a única forma de fazê-lo emagrecer, já que queimar calorias não era suficiente.