Mullher de Mantorras pede divórcio e exige metade dos bens do ex-futebolista


Maria Júlia Fernandes, esposa de Mantorras, que actualmente enfrenta um processo de divórcio, revelou, em entrevista ao Correio da Manhã, que pretende exigir metade do património do jogador em caso de divórcio.
Pedro Mantorras e Maria Júlia casaram-se há 18 anos em regime de comunhão de bens. Agora, com o processo de divórcio, a mulher do ex-jogador do Benfica exige metade do património do craque, além de uma pensão de alimentos, uma vez que não tem qualquer ocupação profissional.
O antigo futebolista encarnado, que agitava adeptos quando entrava em campo, tem vários bens em seu nome, entre os quais uma moradia na Marisol, Charneca de Caparica, assim como carros de luxo. Pedro Mantorras e Maria Júlia são pais de dois rapazes, de 16 e cinco anos, e de uma rapariga, de 18, que presenciou a cena de violência de que o ex-jogador está a ser acusado.
Segundo fontes junto ao casal, os problemas no casamento começaram há cerca de dois anos, quando Mantorras começou a fazer viagens mais frequentes a Angola que, de acordo com esposa, foi motivada por uma alegada traição.

Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.